Animais - documentaçao?

Legislação, truques e astúcias para tornar mais agradável a vida a bordo dos nossos companheiros.

Animais - documentaçao?

Mensagempor decamacho » sexta jul 25, 2008 3:07 pm

Este ano vamos levar o novo membro da familia para ferias. Vou de ferias para a costa espanhola ( conhecer alguns locais que ficaram por visitar o ano passado), mas nao consigo perceber quais os documentos q deveram acompanhar o animal no check in dos camping. O Cachorro tem 4 meses.

Ja enviei mails para alguns parques de campismo, que ate à data nao tive resposta, inclusive entrei em contacto para o proprio consulado de espanha, mas para alem de me indicarem o passaporte animal, nao foram conclusivos quanto a ser necessario outro tipo de documento ou procedimento a ter :?

Tb tenho duvidas qto ao transporte do cachorro dentro do carro... é necessario um cinto de segurança? Tem de se transportar naquelas caixinhas? :roll:
Se alguem me puder ajudar agradeço :wink:
decamacho
 
Mensagens: 4
Registado: quarta jul 23, 2008 2:03 pm

Transporte de animal de estimação para o estrangeiro

Mensagempor NMartins » sexta jul 25, 2008 3:56 pm

Caro Companheiro

Da experiência que tenho com as minhas viagens ao estrangeiro terá de indicar ao veterinário a data em que pretende sair e os paises a visitar, para que ele lhe possa fazer as vacinas necessárias (eles sabem quais são! a da raiva é fundamental mas não sei se pela idade o seu companheiro já pode ser vacinado) passando-lhe depois o passaporte com as respectivas indicações.
Informo-o ainda que em várias deslocações a vários países só uma vez num camping no sul de França me pediram a documentação do cão de companhia que levávamos.
Não se esqueça que há vários campings que não aceitam a entrada destes nossos amigos - convem por isso informar-se previamente nos vários roteiros de campings que temos à disposição (aconselho-lhe para o caso o Guia Camping 2008 da Federação Espanhola de Campismo e Caravanismo FECC que encontra facilmente inclusivé nos grandes Hipermercados) - havendo tambem outros em que a permanência destes amigos implica o pagamento de uma diária.

Boa viagem e boas férias para todos vós!
NMartins
 
Mensagens: 39
Registado: terça mai 29, 2007 9:57 pm
Localização: Amadora

Transporte de animal para o estrangeiro

Mensagempor NMartins » sexta jul 25, 2008 4:10 pm

Caro Companheiro

Completando a mensagem resposta que lhe enviei, e quanto ao transporte do cachorrito, convem para segurança do animal e tambem vossa, levá-lo dentro de uma caixa transportadora ou com alguma sujeição para se não meter nos sítios menos aconselháveis como entre os nosso pés e os pedais da viatura, ou fazer alguma diabrura que desvie a nossa atenção da estrada.
Julgo, salvo melhor opinião, que não há imposição legal que determine o modo de transporte. No entanto há peitorais e trelas de sujeição aos cintos de segurança da viatura. Quando viajo de automóvel, mesmo em Portugal, para segurança da minha cadela boxer e tambem nossa (ela viaja no banco de trás) vai sujeita ao cinto de segurança. Em lojas de animais encontra estes dispositivos, se bem que eu fiz a compra na Norauto.

Boa sorte!
NMartins
 
Mensagens: 39
Registado: terça mai 29, 2007 9:57 pm
Localização: Amadora

Mensagempor pressler » domingo jul 27, 2008 9:37 am

Bom dia companheiro!

Eu tambem tenho 2 gatas e uma cadela que viajam sempre comigo, aliás este foi um dos motivos pelo qual comprei a AC. Não tenho ferias e quando saio tenho que levar os 4 patas todos comigo....Agora passaram a 4, visto que recebi um boxer bastante doente para cuidar. Quando melhorar vai ter que caber lá dentro, ou talvez tenha sorte e consiga comprar uma AC maior.
Segundo o que sei os caes teem que viajar dentro das transportadoras, para não causarem acidentes ou distracções como o companheiro bem indicou. Numa travagem mais acentuada, podem vir projectados como as crianças e piorar um acidente!!!
Quanto aos documentos que acompanham o animal: eu vou quase todos os dias à DGV de Alcantara em Lisboa e assisto aos pedidos de informações para se levar os animais de avião, mas o mesmo se aplicará a viajar de carro. Tente o telf. 213976518 e peça para falar com a Drª Alina (chefe de serviço). Nem todos os dias ela tá de serviço, pois fazem turnos :? Explique que o seu amiguinho tem só 4 meses. Creio que é necessario um atestado passado pelo Veterinario para obter o passaporte, mas será nos cães grandes.
Atenção que alguns animais mais pequenos enjoam imenso :oops: :oops:
Levar varias mantinhas para dentro da transportadora.
Caso necessite de mais informações, mande MP.
Cumprimentos
Ana Pressler
pressler
 
Mensagens: 302
Registado: quinta dez 13, 2007 11:50 pm
Localização: Arruda dos Vinhos

Mensagempor decamacho » segunda jul 28, 2008 1:44 pm

Obrigado pelas dicas!

Ja retirei o numero indicado pela forista Pressler , vou tentar ainda hoje ligar :wink: logo darei noticias!
decamacho
 
Mensagens: 4
Registado: quarta jul 23, 2008 2:03 pm

Mensagempor decamacho » terça jul 29, 2008 11:40 am

Boas!

Liguei ainda ontem para o numero indicado, e finalmente falei com alguem que percebia minimamente do assunto. Foi um confirmar de algumas coisas já aqui ditas, assim como de mais alguns lembretes.

Obrigada mais uma vez !
decamacho
 
Mensagens: 4
Registado: quarta jul 23, 2008 2:03 pm

Mensagempor majv » domingo jan 10, 2010 11:42 pm

A partir de ontem, passámos a ter uma companhia de 4 patinhas para as nossas viagens.
No sábado ele já foi levar a 1ª vacina, e dia 12 de Fevereiro está previsto levar a 2ª, bem como a da raiva e o chip.
Porque pensamos rumar até Marrocos em Maio, já ando a tentar obter informação sobre o que é necessário para ele, num forum francês dedicado exclusivamente a esse país, e fico com algumas duvidas...
1-Le passeport Européen de chaque animal.
Ou Un certificat de vaccination en cours de validité... (Plus de 30 jours et Moins de 1 an).
Penso ser fácil

2-Certificat de bonne santé de moins de 10 jours...
Certifié sur le passeport de l'animal... (Pour l'entrée aller en Espagne).
Validé par votre service vétérinaire départemental.(recommandé).
Também não deverá ser problemático.

3-Un tatouage identitaire ou puçage électronique...( préféré).
Dans le cas ou l'animal, n'a pas le tatouage éxécuté en UE,la puce est obligatoire.
Esta deixa-me baralhado....pois, tanto quanto entendi em alguns psots, nada tem a ver com o ship.

4-Un titrage sérique des anticorps antirabiques supérieur ou égal à 0,5 Ui/ml...( pour le retour). Ainda mais confuso, pois parece ter a ver com a reentrada em Espanha, e pelos desenvolvimentos, a analise tem de ser feita em laboratorios da especialidade, blá, blá....etc etc.

No mesmo tópico do site,
http://maroc-camping-car.forumactif.com ... iques-f76/
também encontro referências a limitações de entradas em paises da UE...
Será que algum companheiro(a) passou recentemente por situação idêntica, e me pode esclarecer qualquer coisa?
Desde já o meu obrigado.
Avatar do Utilizador
majv
 
Mensagens: 449
Registado: quarta abr 09, 2008 7:34 pm
Localização: Camarate- Loures

Mensagempor cookie » segunda jan 11, 2010 3:53 pm

nós tb tivemos que tratar dessa questão. temos 2 cadelas e depois de falar com a veterinária ficou esclarecido que o boletim de vacinas não é válido para fora de portugal. o documento válido é o passaporte e tem que o comprar no veterinário (+- 15€ cada).

depois, dependendo dos países para onde for, bastará o passaporte ou não, mas informe-se junto do veterinário que acompanha o seu canito pois ele deve saber dessas coisas.

quanto às viagens, o ideal é que o cão vá preso de modo a não distrair o condutor ou ser projectado em caso de embate, no entanto, no caso da AC não é tão fácil... pelo menos no nosso caso, mas já estamos a tentar resolver essa questão.

a meu ver os cintos de segurança para cães devem ser mais confortáveis do que as caixas e há-os à venda nalgumas grandes superfícies.
cookie
 
Mensagens: 1757
Registado: domingo Oct 04, 2009 2:08 pm
Localização: Vila do Conde, novamente...

Mensagempor pressler » segunda jan 11, 2010 4:54 pm

Boa tarde Cookie e Vitorino,

Da experiencia que tenho por trabalhar quase todos os dias com a D.G.Veterinaria, informo o seguinte:
1 - O passaporte que o veterinario dos meus caes passou foi à borliu...
2 - Depois de ter o passaporte animal que pressupoe que o animal tem a vacina da raiva há + de 1 mes e menos de um ano, devemos dirigirmo-nos ao PIF da DGV de Lisboa situado no edificio da Alfandega Maritima de Lisboa ao lado do museu de Macau em Alcantara, para que mediante um pagamento de taxa nos passem o certificado de saude do animal. Isto para quem mora na area de Lisboa, como existe no Porto, em Peniche, Sines,etc.
3 - Porque em muitos paises do continente africano existem surtos bem graves de raiva e os nossos animais ao viajarem podem pegar a doença... + de 3 meses antes da viagem tem de se fazer o teste e analise dos anticorpos á raiva. O veterinario faz a colheita e manda para o laboratorio da DGV em Benfica. Este teste é feito uma unica vez na vida do animal sem que seja necessario repetir sempre que se vai viajar.
Caso não se faça este teste as entidades em Espanha podem reter os nossos "amiguinhos" num canil municipal especifico e em separado até fazerem eles e obterem os resultados. Muitos são os caes que vêm de Angola, Moçambique e que quando chegam ao Aeroporto de Lisboa, vão parar ao canil do Zoo, de Obidos e até em Evora a aguardar o resultado da analise.
Roller Team
Granduca Garage P
pressler
 
Mensagens: 302
Registado: quinta dez 13, 2007 11:50 pm
Localização: Arruda dos Vinhos

Mensagempor cookie » segunda jan 11, 2010 5:09 pm

pressler Escreveu:Boa tarde Cookie e Vitorino,

Da experiencia que tenho por trabalhar quase todos os dias com a D.G.Veterinaria, informo o seguinte:
1 - O passaporte que o veterinario dos meus caes passou foi à borliu...
2 - Depois de ter o passaporte animal que pressupoe que o animal tem a vacina da raiva há + de 1 mes e menos de um ano, devemos dirigirmo-nos ao PIF da DGV de Lisboa situado no edificio da Alfandega Maritima de Lisboa ao lado do museu de Macau em Alcantara, para que mediante um pagamento de taxa nos passem o certificado de saude do animal. Isto para quem mora na area de Lisboa, como existe no Porto, em Peniche, Sines,etc.
3 - Porque em muitos paises do continente africano existem surtos bem graves de raiva e os nossos animais ao viajarem podem pegar a doença... + de 3 meses antes da viagem tem de se fazer o teste e analise dos anticorpos á raiva. O veterinario faz a colheita e manda para o laboratorio da DGV em Benfica. Este teste é feito uma unica vez na vida do animal sem que seja necessario repetir sempre que se vai viajar.
Caso não se faça este teste as entidades em Espanha podem reter os nossos "amiguinhos" num canil municipal especifico e em separado até fazerem eles e obterem os resultados. Muitos são os caes que vêm de Angola, Moçambique e que quando chegam ao Aeroporto de Lisboa, vão parar ao canil do Zoo, de Obidos e até em Evora a aguardar o resultado da analise.


Olá pressler.
ainda bem que respondeu pois levantou-me uma série de dúvidas.

o passaporte das minhas canitas já incluí o certificado de saúde (pelo menos foi o que nos foi dito pela veterinária) e efectivamente na página 20 do passaporte podemos ler: Declaração: o animal encontra-se em bom estado de saúde e capaz de suportar a viagem até ao seu destino. incluí um local para a data e para o carimbo e assinatura do veterinário.

mas uma das minhas canitas levou a vacina da raiva uns 15 dias antes de o passaporte ser passado (tinha 4,5 meses na altura) porque sem o documento ela andaria ilegal por terras de nuestros hermanos já que o boletim de vacinas não é válido (vá-se saber porquê...).

a veterinária também nos falou da análise de anticorpos para certas doenças como a raiva, apenas obrigatória para certos países (disse-nos que para Espanha não era obrigatório para já e que bastava a declaração/passaporte comprovativo da vacinação) e altamente aconselhada para outros, como p.ex. os países africanos.

ou seja, estou a denotar algumas informações contraditórias e estou a ficar um pouco baralhada com isto...
cookie
 
Mensagens: 1757
Registado: domingo Oct 04, 2009 2:08 pm
Localização: Vila do Conde, novamente...

Mensagempor O Françiou » segunda jan 11, 2010 7:51 pm

Boa tarde

Os companheiros françes que vao o Moarocos aplicam estas regras

majv Escreveu:1-Le passeport Européen de chaque animal.
Ou Un certificat de vaccination en cours de validité... (Plus de 30 jours et Moins de 1 an).
Penso ser fácil

Não a problemas
majv Escreveu:2-Certificat de bonne santé de moins de 10 jours...
Certifié sur le passeport de l'animal... (Pour l'entrée aller en Espagne).
Validé par votre service vétérinaire départemental.(recommandé).
Também não deverá ser problemático.

Não a problemas

majv Escreveu:3-Un tatouage identitaire ou puçage électronique...( préféré).
Dans le cas ou l'animal, n'a pas le tatouage éxécuté en UE,la puce est obligatoire.
Esta deixa-me baralhado....pois, tanto quanto entendi em alguns psots, nada tem a ver com o ship.

Tatouage é uma marca indelével que se faz em geral na orelha que permite d' identificar o animal
O microship sera obligatoiro em Juilho 2012
majv Escreveu:4-Un titrage sérique des anticorps antirabiques supérieur ou égal à 0,5 Ui/ml...( pour le retour). Ainda mais confuso, pois parece ter a ver com a reentrada em Espanha, e pelos desenvolvimentos, a analise tem de ser feita em laboratorios da especialidade, blá, blá....etc etc.


Esto certificado e muito importante a reentrada em Espanha.
Houve companheiros françes quem tiveram problemas porque os amimais não tinham este papel
esta escrito aqui e uma regua EU
http://agriculture.gouv.fr/sections/the ... /transport
Cordialmente

O Françiou, era o meu tio chamava-me assim
_________________
Bye
Avatar do Utilizador
O Françiou
 
Mensagens: 173
Registado: segunda jul 16, 2007 7:18 pm
Localização: França

Mensagempor majv » segunda jan 11, 2010 8:38 pm

Obrigado a todos(as) pelas dicas escritas e telefónicas.
Também já contactei a veterinária e mesmo com as vacinações a serem dia 12/02, está tudo sobre contrôle para irmos Marroquinar em Maio.
aproveito para deixar aqui um link, onde o nosso companheiro Haddock nos faculta a legislação aplicavel:
http://vitorsilva.blogspot.com/2010/01/ ... imais.html
Também ele vai ter de tratar do passaporte e demais documentação para o seu Swing.
Ou muito me engano, ou ainda nos vamos encontrar por lá.

E agora outro tema relacionado com o mesmo:
Sabendo que, óbviamente, os animais não podem ir á solta dentro célula ou da cabine, será que basta ir amarrado pela trela, por exemplo num cinto de segurança, no pé da mesa, na estrutura dum banco, etc, etc?
Foi assim que ele andou neste fim de semana, na sua estreia auto-caravanista, e, já agora, que bem que ele se portou, quer a nivel de enjoos, dormidas, alimentação, etc.
Boas voltas
Avatar do Utilizador
majv
 
Mensagens: 449
Registado: quarta abr 09, 2008 7:34 pm
Localização: Camarate- Loures

Mensagempor cookie » segunda jan 11, 2010 8:57 pm

a nós sempre nos disseram que a polícia não pode multar por nada que aconteça na cabine pois essa parte da AC não é a componente automóvel.

agora, é mais seguro para os canitos irem presos com cinto de segurança mas irem presos ao pé da mesa não me parece que resulte...
cookie
 
Mensagens: 1757
Registado: domingo Oct 04, 2009 2:08 pm
Localização: Vila do Conde, novamente...

transporte de animais em veiculos automóveis

Mensagempor danibeja » segunda jan 11, 2010 11:01 pm

caros companheiros,
Em relação ao transporte de animais nas autocaravanas, aconselho uma leitura ao seguinte sitio:
http://arcadenoe.sapo.pt/artigo/transpo ... blicos/368

Lembro também (para quem não gosta de ver os seus animais presos dentro de jaulas), que em países como a França existem coleiras para prender no cinto de segurança, e outros apetrechos para manter o animal o mais fixo possível, mas sem estar na "jaula", é prudente viajar sempre com os animais de companhia, o mais fixo e estáveis possível, pois em caso de acidente os efeitos são idênticos aos dos homens, feridos graves e muito graves, julgo que nenhum de nós gostaria de ver os seus animais de estimação feridos ou até mesmo mortos por falta de equipamento de retenção....

Já em relação à afirmação "a nós sempre nos disseram que a polícia não pode multar por nada que aconteça na cabine pois essa parte da AC não é a componente automóvel. " da companheira Cookie, no Código da estrada está previsto que a fiscalização automóvel é competência dos Órgãos de Policia Criminal, nomeadamente PSP e GNR e outros, pois se a carga for mal acondicionada pode ser autuada, se assim não fosse, não poderíamos fiscalizar os veículos de transporte de mercadorias, e estes não tem passagem da cabine para o compartimento de carga.

cumprimentos
danibeja
danibeja
 
Mensagens: 991
Registado: domingo nov 08, 2009 9:11 pm
Localização: Queluz, O Técnico de Bricolage do Clube de Autocaravanismo da Abeceira

Mensagempor cookie » segunda jan 11, 2010 11:13 pm

o que disse foi que sempre nos disseram que a policia não pode fiscalizar o interior da AC sem mandato, ou seja, num simples operação stop apenas podem fiscalizar a componente carro e não a componente "habitacional" da AC. verdade ou não não sei mas sinceramente isso não me preocupa.
cookie
 
Mensagens: 1757
Registado: domingo Oct 04, 2009 2:08 pm
Localização: Vila do Conde, novamente...

Próximo

Voltar para Os nossos animais de companhia

Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante