Frankia A540

Área dedicada a troca de informações sobre mecânica, manutenção e bricolage

Re: Frankia A540

Mensagempor Salazar » segunda set 11, 2017 2:52 pm

Vespita Escreveu:Boas a todos

Após ler os vários topicos existentes, bem como o excelente texto sobre gás nas autocaravanas http://www.campingcarportugal.com/files ... ge/gas.pdf , fiquei sem saber muito bem como tratar o meu caso e passo a explicar.

Quando comprei a AC a mesma vinha instalado com gás butano, sendo um sistema muito simples o gas passa pelo redutor da garrafa e entra directamente na tubagem.

Como tenho planos de ir à serra da estrela no inverno estou a equacionar a mudança para o gás propano.

No meu caso em concreto basta substituir a garrafa para propano e o respectivo redutor?

No compartimento exterior das garrafas tem este autocolante:

Imagem

Desde já agradeço toda a ajuda que me possa ser facultado.

Obrigado


Numa loja de acessórios para AC compre um redutor genérico de 50mb onde vai ligar um adaptador de pressão livre adequado à sua garrafa. Eu sugiro repsol, porque vai poder usar com o mesmo adaptador:
Butano e propano repsol (não confundir com as antigas Shell)
Butano repsol nas K6 e K11
Propano Prio
E mais uma da BP, que não recordo.
O mesmo adaptador também permite ligar todas as garrafas comercializadas em Espanha, independentemente da marca.
Salazar
 
Mensagens: 240
Registado: quarta jan 23, 2008 7:38 pm
Localização: Benavente

Re: Frankia A540

Mensagempor Vespita » terça set 19, 2017 10:15 am

Boas

Após verificar o real estado da tubagem de alimentação e retorno do diesel, constato que as tubagens estavam demasiado rigidas. Nesse sentido decidi proceder à sua substituição por tubos e alguma braçadeiras que estavam danificadas.

Imagem

Imagem

Tendo verificado uma pequena babugem num dos foles das direcção assistida, antes de desmontar e mandar reparar, optei por exprimentar um produto da Liqui Moly que tem como finalidade estancar pequenas fugas de oleo.

Imagem

Como é do conhecimento da grande maioria de todos os que têm Fiat Ducato modelos (290) o grande calcanhar de Aquiles destas maquinas é a caixa de velocidades.

No sentido de tentar minimizar futuros/eventuais problemas na mesma decidi aplicar um aditivo para aplicar na caixa de velocidades. O produto é da conceituada marca Americana STP.

Imagem
Vespita
 
Mensagens: 29
Registado: quinta jun 29, 2017 6:36 am

Re: Frankia A540

Mensagempor Rodadossaurus » quinta set 21, 2017 10:13 am

Atenção que os dispositivos de gás não vão funcionar tão eficientemente... foram desenhados para 50 e o corrente é serem 37 mbar (?)
Rodadossaurus
 
Mensagens: 137
Registado: quinta fev 18, 2016 6:14 pm
Localização: Grande Lisboa

Re: Frankia A540

Mensagempor Vespita » quinta set 21, 2017 3:01 pm

Rodadossaurus Escreveu:Atenção que os dispositivos de gás não vão funcionar tão eficientemente... foram desenhados para 50 e o corrente é serem 37 mbar (?)


Obrigado Rodalossauros

A verdade é que estavam a funcionar anteriormente com butano a 29mbares.

Mudei para o propano da Repsol com redutor da repsol a 29mbare e verifiquei o queimador do frigorifico a chama aparentava ser a mesma com butano e propano. Desconfio que o bico do injector já deva ter sido mudado ao longo destes anos.
Boiler da agua e bicos do gás está tudo a funcionar correctamente a 29mbares de proponao.
Vespita
 
Mensagens: 29
Registado: quinta jun 29, 2017 6:36 am

Re: Frankia A540

Mensagempor Vespita » quinta set 21, 2017 4:12 pm

Relativamente à caixa de velocidades e após ter lido em outros forums que é comum a 5ª velocidade das antigas ducatos darem o berro.

Pelos vistos a caixa foi inicialmente desenvolvida para albergar só 4 velocidades, tendo sido aplicada mais tarde a 5ª velocidade. A forma que a fiat arranjou foi o fazer um acrescento à caixa existente, que albergasse a 5. Como tal a caixa de velocidades ficou com duas cameras de óleo em vez de 1. Esta situação é visível na minha maquina.
Como o carreto da 5ª ficava bastante em cima, a lubrificação da mesma era deficitária.

Na Altura (anos 90) a fiat para tentar atenuar o problema crónico que existia, emitiu um parecer aos agentes, que deveria ser acrescentada à vareta de óleo o nível máximo em 20mm. Segundo os mesmos este acréscimo não iria comprometer a pressão a que os retentores estariam sujeitos, continuando a existir camera para expansão suficiente.

Outro procedimento que a fiat indicava era que para se atestar o nível do óleo deveria se retirar a válvula indicadora da marcha atrás, pois encher o óleo através deste orifício desta forma assegurava-se a lubrificação da caixa da 5ª.

Após investigar/ler em outros foruns europeus da especialidade este tipo de procedimento era/é efectuado por muitos de forma a atenuar possiveis problemas.

Nesse sentido decidi efectuar o mesmo procedimento, aumentando o nivel maximo da vareta do oleo, tendo levado mais cerca de 400ml de valvolina 80w90. Desde logo notei uma maior suavidade na engrenagem das mudanças.

Imagem

Imagem

Imagem
Imagem

Imagem

Imagem
Editado pela última vez por Vespita em quinta set 21, 2017 7:09 pm, num total de 1 vez.
Vespita
 
Mensagens: 29
Registado: quinta jun 29, 2017 6:36 am

Re: Frankia A540

Mensagempor fluis » quinta set 21, 2017 4:18 pm

Boa tarde,

Muito bem! Excelente informação partilhada.
Fernando Luís
CI Riviera Garage
Mem Martins
Imagem
Avatar do Utilizador
fluis
Moderador
 
Mensagens: 1954
Registado: segunda nov 14, 2005 5:48 pm
Localização: Mem Martins

Anterior

Voltar para Mecânica, Manutenção e Bricolage

Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 4 visitantes